Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Mourinho, o gastador dos mil milhões de euros

Com a sua passagem pelo União de Leiria, Benfica, Porto, Chelsea, Inter de Milão, Real Madrid e Manchester United, Mourinho gastou um total de 1,22 mil milhões de euros em contratações

Expresso

Lucy Nicholson

Partilhar

Mesmo que não ganhasse mais nada, o registo de palmarés de José Mourinho, com 17 anos de carreira, já seria mais que invejável ao nível mundial. Mas sem saber, sem apontar para isso, o treinador português parece também ter quebrado outro recorde: o valor gasto em transferências. (O que diz muito sobre os clubes por onde já passou.)

Segundo as contas do “The Sun”, publicadas esta segunda-feira, José Mourinho é o primeiro treinador da história do futebol a quebrar a barreira dos mil milhões de euros em aquisições de jogadores ao longo de toda a carreira.

Com a sua passagem pelo União de Leiria, Benfica, Porto, Chelsea, Inter de Milão, Real Madrid e Manchester United, Mourinho gastou um total de 1,22 mil milhões de euros em contratações. E isto nem devia ser uma surpresa.

Dois exemplos: no verão passado, Mourinho foi buscar Paul Pogba à Juventus por 98,4 milhões de euros. Já este ano, contratou Romelu Lukaku ao Everton por 82,9 milhões de euros.

A seguir a Mourinho, na lista dos mais gastadores, aparece Carlo Ancelotti, com 1,072 mil milhões de euros (em 22 anos de carreira) e Pep Guardiola (com 9 anos de carreira) que já gastou 950 milhões de euros.