Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

E esta? Nadal foi eliminado no Masters de Montreal por um jovem de 18 anos

Shapovalov, classificado na posição 143 da hierarquia, superiorizou-se a Nadal, em três 'sets', pelos parciais de 4-6, 6-4 e 7-6 (7-4), em duas horas e 45 minutos

Expresso e Lusa

David Ramos

Partilhar

O desporto é feito de imprevisibilidade: é por isso que se assiste a uma partida, de qualquer desporto, mesmo sabendo que há um favorito. São as surpresas que adoçam o espírito de competição.

O jovem tenista canadiano Denis Shapovalov, de apenas 18 anos, causou na quinta-feira a primeira grande surpresa do Masters 1.000 de Montreal, ao eliminar na terceira ronda o espanhol Rafael Nadal, número dois do mundo.

Shapovalov, classificado na posição 143 da hierarquia, superiorizou-se a Nadal, em três 'sets', pelos parciais de 4-6, 6-4 e 7-6 (7-4), em duas horas e 45 minutos.

Face à ausência do líder do 'ranking' mundial, o britânico Andy Murray, Nadal tinha hipótese de regressar à liderança do 'ranking' mundial, o que não sucede desde 23 de junho de 2014.

  • Nadal pode voltar a ser o melhor - em parte, por causa das lesões

    Ténis

    Quando 2016 terminou, Rafael Nadal, o então senhor de 14 torneios do Grand Slam, era tema de conversa por já não ser o campeão de outrora devido às incontáveis lesões que o afetavam. Acabou o ano fora do top 8. Agora, quando 2017 vai a meio, o espanhol está a três vitórias de voltar a ser número um do ranking e tudo por culpa das lesões - mas dos outros