Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Casillas quer sair do FC Porto em janeiro e vai ao mundial... como comentador

O “As” avança que Casillas está descontente com a situação de suplente e já tem destino marcado em janeiro

Expresso

Iker Casillas (FC Porto) esteve no Onze do Ano em seis ocasiões: 2007, 2008, 2009, 2010, 2011 e 2012

MIGUEL RIOPA/Getty

Partilhar

Primeiro, o FC Porto. Iker Casillas está descontente com o facto de ser suplente no Dragão e por isso perspetiva a saída de Portugal já em janeiro, quando o mercado de transferências reabrir. De acordo com o “As”, o destino do guarda-redes espanhol pode ser o Newcastle, da Premier League, que é treinado pelo compatriota Rafa Benítez.

Recorde-se que Casillas deixou de ser titular quando José Sá assumiu a baliza a 17 de outubro, em jogo a contar para a Champions, diante do Leipzig.

Depois, o Mundial.

Na teoria, Iker Casillas podia ser convocado como guarda-redes pela selecção espanhola para o Mundial de 2018 na Rússia. Não há nada que impeça Lopetegui de tomar essa decisão, mas tal é muito pouco provável que vá acontecer.

Por isso mesmo, o espanhol parece já ter arranjado outra forma de comparecer no Mundial do próximo ano.

Depois de ter representado a seleção ibérica durante muitos anos a fio, será como comentador desportivo que Casillas irá apresentar-se na Rússia, avança o jornal espanhol “AS” no domingo.

Segundo o desportivo, o guarda-redes do FC Porto assinou um contrato com a televisão mexicana TV Azteca, com o intuito de comentar os jogos de Espanha e México durante o Mundial do próximo ano.

Ao seu lado, conta ainda o “AS”, terá a companhia de Jorge Valdano, dirigente do Real Madrid.