Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

“Terror”, “humilhação” e “engolidos pelo tubarão”. A derrota do FC Porto com o Liverpool na imprensa

Esperava-se um jogo difícil para o FC Porto, mas não uma derrota por 5-0, a maior goleada europeia de sempre sofrida pelos dragões em casa

Expresso

MIGUEL RIOPA

Partilhar

Na quarta-feira à noite, o Liverpool deitou quaisquer que fossem os sonhos europeus do FC Porto por terra. Mesmo sem Coutinho, a equipa britânica mostrou o que significa ser letal em campo, ter o segundo melhor ataque da Champions na fase de grupos.

No final dos noventa minutos, tornou-se evidente que a equipa de Sérgio Conceição nunca teve oportunidade de contrariar os ingleses. O resultado: 5-0.

Esperava-se um jogo difícil para o FC Porto, mas não uma derrota destas proporções. Segundo o “Jogo”, a diferença de andamento entre as duas equipas acabou em goleada - e deixou a eliminatória resolvida. “Engolidos pelo tubarão”, a manchete do desportivo.

O “Record”, por sua vez, dá o mote de “humilhação histórica” como resumo encontro, lembrando também que esta foi a maior goleada europeia de sempre sofrida pelo FC Porto em casa.

Já “A Bola” escreve que os dragões tiveram uma noite de “terror” e que inexperiência de José Sá custou caro à equipa portuguesa.

Lá fora, em Inglaterra, o "The Guardian" fala em "demolição" do FC Porto, ainda que admita que os portistas, no início da partida, até estavam "a impressionar".

Já a BBC diz que o Liverpool "esmagou" o FC Porto, numa vitória "impressionante" e "ambiciosa", já que mesmo depois do 2-0 os ingleses continuaram a procurar mais golos.

Com a eliminatória resolvida - seria preciso um milagre para o FC Porto marcar seis golos em Inglaterra -, os dragões terão agora de se focar em Portugal, na Liga.