Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Rui Vitória e Sérgio Conceição desentenderam-se já depois do apito final do clássico

Conceição chamou Rui Vitória para conversar com o árbitro, já depois do final do clássico, mas a troca de palavras entre os dois treinadores acabou em discussão

Expresso

Foto António Cotrim / Lusa

Partilhar

O final do clássico entre o Benfica e o FC Porto, no domingo, ficou marcado por uma discussão acesa entre Rui Vitória e Sérgio Conceição, revela o “Record”.

Já depois do final do clássico e dos devidos agradecimentos da equipa aos adeptos, alguns elementos da equipa técnica do Benfica ficaram a trocar impressões com o árbitro Artur Soares Dias, ainda dentro do relvado.

Por perto, estava Rui Vitória - desolado, a tentar encaixar a derrota tardia da equipa encarnada no estádio da Luz, que, muito provavelmente, irá custar-lhe o pentacampeonato.

Ao que consta, Sérgio Conceição, que também ainda estava no relvado, decidiu ir também conversar com Artur Soares Dias, juntar-se aos responsáveis do Benfica que já ali estavam. E cometeu o “erro” de chamar Rui Vitória, que já se preparava para deixar o grupo e recolher às cabinas, para a conversa.

Segundo o desportivo, Vitória terá dado a entender que só falaria com Conceição fora das quatro linhas, mas o treinador dos azuis e brancos terá insistido, desenrolando-se depois uma aparente troca azeda de palavras entre ambos, sem direito a qualquer cumprimento de despedida.