Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Do estádio da Luz para o Parlamento: deputado do PS vai processar o Benfica

Segundo Tiago Barbosa Ribeiro, adepto do FC Porto, as acusações de que é alvo são “disparatadas e difamatórias”

Expresso

Carl Recine

Partilhar

Tiago Barbosa Ribeiro, deputado do Partido Socialista, vai processar o Benfica, revelou o próprio através de uma publicação no “Facebook” na quinta-feira, depois de, há dois dias, o clube da Luz ter divulgado uma lista de nomes, na qual constava o seu, que, alegadamente, estão envolvidos numa “rede montada pelo FC Porto para destruir a hegemonia” do clube.

“Os responsáveis do Benfica mentem, sabem que mentem e vão responder por isso até às últimas consequências. Esta é a única publicação que farei sobre este tema para que fique absolutamente clara a minha posição: não me intimidam. O resto será resolvido nos tribunais pelo processo que em breve darei entrada”, escreveu.

Segundo Tiago Barbosa Ribeiro, adepto do FC Porto confesso, as acusações de que é alvo são “disparatadas e difamatórias”; mais: nem conhece “a maioria das pessoas que são referidas pelo Benfica”.

O nome do deputado socialista, de acordo com uma publicação da BenficaTV na terça-feira, consta de uma denúncia anónima enviada esta semana ao Ministério da Justiça, à Procuradoria-Geral da República, ao DCIAP, à PJ, à Liga Portuguesa de Futebol e à Federação.

O clube encarnado teve acesso à denúncia em causa e revelou os nomes envolvidos na sua página oficial.

“Tiago Barbosa Ribeiro (deputado), Pedro Bragança (Baluarte) e Diogo Faria são descritos como responsáveis pela montagem de blogues clandestinos para difusão dos e-mails roubados ao SL Benfica. A equipa de Ricardo Pereira, da empresa comOn, gestora das plataformas do FC Porto (com sede em Lisboa), também é acusada de colaborar na estratégia digital”, escreveu a BTV.