Tribuna Expresso

Perfil

Revista de Imprensa

Despedir Rui Vitória poderá custar (no mínimo) quatro milhões ao Benfica

Rui Vitória ainda tem mais dois anos de contrato com o clube da Luz

Expresso

M\303\201RIO CRUZ

Partilhar

Depois da derrota com o Tondela e com o apuramento para a Liga dos Campeões em causa, a permanência de Rui Vitória no Benfica ficou no limbo. No último fim de semana, muitos adeptos encarnados mostraram lenços brancos ao treinador; ao que consta, Luís Filipe Vieira não ficou contente a reacção de Vitória depois do jogo.

Em todo o caso, sairá muito caro ao Benfica ver-se livre de Rui Vitória: no mínimo quatro milhões de euros, segundo o “Record” esta segunda-feira. Neste momento, o treinador ainda tem mais dois anos de contrato com o clube da Luz.

Em abril do ano passado, lembra o desportivo, Vitória e Luís Filipe Vieira acertaram a renovação do vínculo contratual, por dois anos. Graças a este acordo, Rui Vitória duplicou o seu ordenado: passou a ganhar 2 milhões de euros brutos por ano. Ao mesmo tempo, a sua cláusula de rescisão disparou: ficou blindado por 15 milhões de euros.

De acordo com o “Record”, é pouco provável que Vieira dispense Rui Vitória, depois de duas épocas de sonho do Benfica e que deram origem ao tetra. Porém, a ser substituído, Vitória terá sempre o seu lugar ocupado por um português.

Dentro da Luz, Paulo Fonseca, treinador do Shakhtar Donetsk, e Marco Silva, do Watford, são os dois nomes preferidos para suceder a Rui Vitória.