Tribuna Expresso

Perfil

Seleção

Fernando Santos não gostou da demora

Fernando Santos não esteve para muitas palavras após a vitória por 6-0 contra a Andorra. O selecionador nacional não parece ter gostado da forma como a equipa relaxou depois de marcar cedo

Expresso

FABRICE COFFRINI

Partilhar

A goleada que demorou a apareceu

“Sim, por culpa própria. Adormecemos muito, sabíamos que ia ser difícil marcar o primeiro, porque é uma equipa defende muito. Tivemos alguns momentos de aceleração e alguns momentos mais pausados, a permitir que a equipa de Andorra saísse a jogar, o que não é muito normal.”

“Disse aos jogadores para aumentarem o ritmo, foi isso que fizemos na segunda parte e conseguimos muitas oportunidades.”

O jogo na segunda-feira

“Este jogo vale três pontos, temos agora um jogo importante já com as Ilhas Faroe. Só dependemos de nós e queremos continuar assim, e para isso é importante vencer o próximo jogo. Não vou poupar jogadores por ser um relvado sintético. Quem estiver apto para jogar, vai jogar.”

Os novos que se estrearam

“Prefiro centrar-me no coletivo. Compreendo as vossas perguntas, mas vocês também me conhecem e sabem que não vou falar nestas questões. A análise ao trabalho individual dos jogadores não é o mais importante.”

Sobre quem está lesionado

“Vou falar com os médicos sobre isso, até agora não sei de nada. Não sei se o Nani estará apto para segunda-feira, vamos ver.”