Tribuna Expresso

Perfil

Seleção

Fernando Santos: “Nos penáltis umas vezes é-se herói, outras não”

Após a derrota, o selecionador nacional sublinhou que os ao longo dos 120 minutos ambas as equipas fizeram um jogo muito equilibrado

Expresso

KAI PFAFFENBACH/ Reuters

Partilhar

Fernando Santos lamentou a derrota desta quarta-feira à noite frente ao Chile. O selecionador considerou que os 120 minutos foram “muito equilibrados com momentos mais fortes da equipa de Portugal e outros momentos em que a equipa do Chile dominou”.

“O Chile é uma grande equipa. O jogo foi muito equilibrado durante os 120 minutos . Isto é o que acontece quando há duas grandes equipas em campo”, disse Fernando Santos em declarações à RTP após a partida. “Entrámos bem no jogo e estivemos por cima nos primeiros 10/20 minutos de jogo”, acrescentou.

No final dos 90 minutos, não havia golos de nenhum dos lados, Fernando Santos tentou trazer “velocidade com a entrada de Gelson Martins”, aproveitando “algum desgaste da equipa do Chile”.

“Nos penáltis umas vez é-se herói, outras não. O futebol é assim”, disse. “Queríamos estar na final, não queríamos estar em Moscovo [onde no domingo se joga a partida do terceiro e quarto lugares]. Agora, é recuperar e pensar