Tribuna Expresso

Perfil

Portugal

Aqui estão os 23 que vão à Rússia

Fernando Santos apresentou os jogadores que escolheu para o Mundial2018. Confira os nomes, um por um

Fernando Santos, selecionador português desde 2014.

PATRICIA DE MELO MOREIRA

Partilhar

Fernando Santos anunciou os 23 jogadores que decidiu convocar para o Mundial2018 que se disputará na Rússia. Entre nomes clássicos e esperados, há, ainda assim, algumas meias-surpresas, como a inclusão de Rúben Dias (Benfica) e de Manuel Fernandes (Lokomotiv).

Convocados: Rui Patrício, Beto, Anthony Lopes (guarda-redes), Cédric, Ricardo Pereira, Pepe, Bruno Alves, José Fonte, Rúben Dias, Raphaël Guerreiro e Mário Rui (defesas); William Carvalho, Manuel Fernandes, Adrien Silva, João Moutinho, Bruno Fernandes, João Mário e Bernardo Silva (médios); Gonçalo Guedes, Ronaldo, Quaresma, André Silva, Gelson (avançados)

E o que disse Fernando Santos

As agressões em Alcochete

"Não há nenhum português que não tenha assistido de forma incrédula àquele ato inqualificável. De imediato liguei ao meu amigo e colega Jorge Jesus para manifestar o meu repúdio. Penso que os jogadores do Sporting, quando chegarem cá vão como sempre só pensar na Seleção Nacional porque conheço-os bem e sei aquilo que representa para eles. Não se vai refletir"

As dificuldades das escolhas

"Foi tão difícil escolher para 2016 como para 2018. Foi extremamente difícil para mim definir os 23. Definir os 50 jogadores é fácil, mas quando vamos começando a filtrar torna-se muito mais complicado. Deu-me muitas dores de cabeça e foi um trabalho intenso que só terminou duas ou três horas antes de anunciarmos a convocatória"

Complicado deixar campeões de fora

“A dificuldade da escolha também passa pelo sentimento, não posso agradar a todos mas seria mais fácil se pudesse agradar. No aspeto humano custa-me deixar de fora os que participaram no Campeonato da Europa. Não só o Éder, também o André Gomes, o Nani e os outros. Mas na minha função de profissional tenho de escolher”

Fábio Coentrão e Raphael Guerreiro

“Quero ressalvar a forma elegante como o Fábio tratou desta questão, avisando-me pessoalmente e atempadamente a sua decisão. Isto não exclui o Fábio da Seleção Nacional, bem antes pelo contrário. O Raphael para nós tem todas as qualidades para estar cá. Mesmo que nas últimas 3 ou 4 semanas não tenha estado bem fisicamente, acho que vai estar bem para o Mundial”