Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Jorge Jesus: “Houve muita falta e muito massagista”

O técnico do Sporting defendeu a prestação da equipa e queixou-se da falta de jogo na segunda parte

Expresso

GREGORIO CUNHA/ Lusa

Partilhar

Jorge Jesus felicitou os jogadores do Sporting, apesar do empate. Em declarações à Sport TV, no final da partida, o treinador leonino criticou a falta de jogo e as consecutivas paragens no segundo tempo.

“Na segunda parte jogou-se muito pouco, houve muitas faltas, muito antijogo, mas isso faz parte e há equipas que têm de defender o resultado desta forma. Há que destacar a forma como estivemos na primeira parte, enquanto foi possível jogar. Depois houve muita queda, muito massagista, na segunda parte não se jogou”, disse Jorge Jesus.

O treinador admitiu que ao Sporting faltou “algum equilíbrio emocional”.

“Mudava estarmos em vantagem e não permitiria ao adversário fazer o que fez na segunda parte. Teria de jogar”, respondeu Jesus quando questionado sobre a falha de William de Carvalho no penálti.

“Estar a sete pontos, não é a mesma coisa que ter menos dois pontos ou nenhum. Temos de inverter a situação, tentar dar durante a semana alguma intensidade aos jogadores que não fizeram a pré-época. Há que assumir que estes empates fizeram-nos perder seis pontos”, concluiu.