Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Sporting: isto aqui não é um blackout

Menos de uma hora após enviar o primeiro comunicado, a informar que ia entrar em blackout, o Sporting enviou outro, a dizer que isto “não configura qualquer espécie de blackout”. Só faltou explicar porquê

Diogo Pombo

Comentários

PATRICIA DE MELO MOREIRA

Partilhar

Às 11h58 chegou à redação um e-mail enviado pelo departamento de comunicação do Sporting, com um “comunicado urgente” a informar que ninguém da equipa principal de futebol ia participar em actividades com a comunicação social durante uma semana. Escrevemo-lo AQUI, como um blackout que durará uma semana, até à partida com o Marítimo, a 21 de janeiro.

Logo depois de, às 12h51, chegar outro e-mail do Sporting, fomos ao dicionário confirmar o significado de blackout, onde está escrito isto:

“Bloqueio de informação transmitida à comunicação social, por parte de uma figura pública ou entidade.”

Porque, no segundo e-mail, o Sporting acrescentou uma frase ao ao final do primeiro comunicado, na qual se lê que “esta decisão, não configura qualquer espécie de blackout”. Quando, nesse e-mail, o clube revela que ninguém da equipa principal vai aparecer, ou falar, além do que “está regularmente estipulado”. Ou seja, do que são obrigados a fazer.

Isto não difere de todos os outros blackouts que já existiram e foram proclamadas no futebol português.