Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

TAD não dá razão ao Sporting no caso dos vouchers

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) não deu razão ao Sporting no caso dos vouchers e deu, assim, seguimento à decisão do conselho de disciplina, que arquivou o processo. De acordo com o que a SIC apurou, Benfica, Sporting e Federação Portuguesa de Futebol já foram notificados da decisão

MANUEL DE ALMEIDA

Partilhar

As partes envolvidas no processo têm agora cinco dias para contestar a publicitação do acórdão.

Em 2015, Bruno de Carvalho referiu num programa de televisão que o Benfica fazia ofertas de cortesia a equipas de arbitragem, cujo valor global por época podia rondar os 250 mil euros.

No âmbito da justiça desportiva, o caso passou por várias instâncias mas acabou sempre arquivado.