Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

PGR abre inquérito à morte de adepto do Sporting

Em causa está o atropelamento de um adepto do Sporting, no sábado, nas imediações do Estádio da Luz, em Lisboa

Lusa

Partilhar

A Procuradoria-Geral da República (PGR) abriu um inquérito ao caso da morte de um adepto do Sporting, no sábado, nas imediações do Estádio da Luz, em Lisboa.

De acordo com informação da PGR prestada segunda-feira à Lusa, o inquérito está a correr termos no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa.

A vítima é Marco Ficini. Tinha 41 anos, era italiano, membro da claque da Fiorentina e tinha ligações à maior claque do Sporting, a Juventude Leonina.

O incidente aconteceu no sábado de madrugada nas imediações do Estádio da Luz, quando elementos ligados às claques do Sporting se manifestaram com tochas perto do referido local.

Seguiram-se confrontos com elementos conotados com o Benfica e no clima de confusão que se seguiu, Ficini terá sido mortalmente atropelado, estando a ser apurado se se tratou de um acidente ou de um acto deliberado.

O facto de autor se ter posto em fuga constitui por si só crime. O autor já foi identificado pela brigada de homicídios da PJ que investiga o caso, mas não foi ainda detido.