Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Sporting: Vicente Moura saiu “por motivos de saúde”. Vicente Moura: “Não apreciam o meu trabalho, tenho mais que fazer”

Clube justificou a demissão de Vicente Moura por motivos de saúde, mas o vice-presidente para as modalidades do Sporting também criticou Bruno de Carvalho

Expresso

Partilhar

“O Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal informa que, alegando motivos de saúde, o Vice-Presidente para as Modalidades do Clube, Cmdte. José Vicente de Moura, lhe solicitou a dispensa do cargo executivo que desempenhava até agora”.

Foi assim que o Sporting comunicou, esta tarde, a demissão de Vicente Moura do clube.

Contudo, o próprio Vicente Moura contou uma história diferente à rádio Renascença, quando instado a justificar a sua saída: o grande problema esteve... em Bruno de Carvalho e nas críticas que teceu recentemente às modalidades. “Se ser vice-campeão europeu de futsal é considerado um desastre, o que é que faço? Não faço nada", disse Vicente Moura.

"É uma visão diferente do presidente", explicou. "Mas isso tem a ver com a pátria desportiva, que vê sempre dois contendores: um que ganha e outro que perde. É uma visão diferente", acrescentou.

"Até agora, foi fácil conciliar estas duas visões mas agora não vou continuar a prejudicar a minha saúde quando não apreciam o meu trabalho. Tenho mais que fazer e tenho de cuidar da minha saúde, que é o mais importante", concluiu.