Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Jorge Jesus: "Mails? Aquilo que eu sei é que não mando mails para ninguém e ninguém manda mails para mim. Por isso estou tranquilo"

Na antevisão ao dérbi de quarta-feira (às 21h30, na BTV), Jesus não fugiu ao que se passar fora das quatro linhas. Quanto ao jogo propriamente dito, o técnico do Sporting sublinhou que Fábio Coentrão, Gelson Martins e Bruno Fernandes estão recuperados e, ao que tudo indica, estão prontos para ir a jogo

Expresso

TIAGO PETINGA/LUSA

Partilhar

Primeiro jogo do ano

“É o primeiro jogo depois do ano novo mas nada mais do que isso. É um jogo apaixonante, um dérbi de Lisboa, em que os adeptos são fervorosos, dos dois lados. O Sporting vai apresentar-se na Luz pensando que tem todas as possibilidades de vencer, fazendo aquilo que já fez em outros anos, de forma a criar um clima de qualidade. Mas está tudo em aberto”

Cumprimento a Rui Vitória

“São dois rivais, vão ser sempre e temos de respeitar essa rivalidade, que faz parte do jogo, da paixão dos adeptos. E isso é salutar, bonito e bom. O conteúdo do jogo não são os treinadores, se vão ou não cumprimentar-se. O conteúdo do jogo são as variantes que ele pode ter. Respeito pelo meu adversário e colega vou ter de certeza”

Há um ano, Sporting foi derrotado pelo Benfica

“Espero vencer na Luz, eu, os jogadores e os adeptos, porque achamos que temos capacidade para isso. Não interessa o que aconteceu há um ano. Amanhã vão estar frente a frente duas grandes equipas e isso permite-me pensar e acreditar que temos todas as possibilidades de vencer. É a terceira vez que vou jogar na Luz desde que estou do outro lado, ganhei uma, perdi outra, vamos ver o que acontece amanhã, é o desempate”

Fábio Coentrão, Gelson e Bruno Fernandes recuperados?

“Amanhã ainda vai haver treino, há sempre esse factor e não quero estar aqui a dizer uma coisa e depois acontecer outra. Mas se nada acontecer, são jogadores que estão completamente recuperados e que vão a jogo”

Contestação a Rui Vitória

“Os treinadores estão sempre a ser contestados. E no Benfica, Sporting e FC Porto às vezes basta perder apenas um jogo para esse cenário acontecer. O Benfica ainda está na luta, não há motivo para isso. Como está fora das competições - e eu já passei por isso - tem mais tempo para preparar os jogos, tem essa vantagem”

Ambiente fora de campo belisca o jogo?

“Está a falar do caso dos mails? Aquilo que eu sei é que não mando mails para ninguém e ninguém manda mails para mim. Por isso estou tranquilo. Sou treinador de futebol e o que me importa é que o futebol é a minha paixão e importa-me que jogadores e treinadores possam ter cada vez mais criatividade e capacidade para proporcionar jogos apaixonantes, de qualidade, com ideias de jogo. Isto que se está a passar nos bastidores… se calhar daqui a um ano vai saber-se o que se passou, mas a mim passa-me completamente ao lado. Não leio o que se escreve, para mim redes sociais é zero”