Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Sporting - Moreirense: contas, pontos e pontas-de-lança

No fecho da 24ª jornada da I Liga, Petit traz o Moreirense a Alvalade (21h, SportTV1) e só uma coisa é certa: qualquer ponto é bem vindo. Enquanto a equipa da casa luta para não perder os rivais de vista, os visitantes lutam para não descer

Cátia Leitão

NurPhoto

Partilhar

De um lado temos o terceiro lugar do campeonato (à condição) que continua a lutar a todo o custo para se manter o mais próximo possível dos eternos rivais Benfica e Porto; do outro lado temos o último classificado cada vez mais perto de dizer adeus à Liga. Mas a verdade é que da última vez que as duas equipas se encontraram, o Moreirense arrancou pontos aos leões – foi assim a primeira equipa a tirar pontos aos leões em 2017/2018. Agora, encontram-se numa noite em que parar é morrer e qualquer ponto vale mais que ouro.

Mano a mano

Contando com os 18 confrontos no total, o Sporting sai claramente vencedor, sem grandes margens para dúvidas visto que conseguiu 12 vitórias, 4 empates e só vacilou por duas vezes, em 2012, para a Taça de Portugal (3-2) e em 2003, para o campeonato (1-0).

Quando os encontros são em Alvalade, Sporting continua em vantagem. Dos oito jogos que decorreram em casa dos leões, os visitantes perderam seis vezes e só conseguiram dois empates.

Proibido perder

Mesmo com o Sporting a vencer as estatísticas, o jogo promete não ser fácil para os leões. O FC Porto goleou o Portimonense por 5-1 e o Benfica venceu os obstáculos na Mata Real e também trouxe uma vitória para casa. Por isso um empate, ou mesmo uma derrota, podem dificultar a luta pelo título à equipa da casa. E o Sporting ainda tem mais uma coisa com que se preocupar: o clássico com o FC Porto de sexta-feira.

Do outro lado, uma derrota também não caía nada bem à equipa de Petit que está na luta contra a descida. O Moreirense está no último lugar da classificação com apenas 19 pontos em 23 jogos. A equipa minhota nunca ganhou em Alvalade.

Volta, Dost

Numa altura crucial para o Sporting, Jorge Jesus perdeu o maior trunfo, Bas Dost. O treinador não tirou o holandês quando devia na partida contra o Astana e agora o avançado vai ter mesmo de ficar de fora. Um jogador pode não fazer uma equipa, mas a verdade é que os últimos jogos do Sporting sem Dost não foram fáceis e os leões mostraram ter muitas dificuldades em vencer sem o holandês.

A isso junta-se a ausência de Podence, lesionado, e de Mathieu que está castigado depois de ter visto o segundo amarelo na partida contra o Tondela.

Do outro lado da barricada, Petit não vai poder contar com o central Belkaroui que viu um vermelho direto no jogo contra o Desportivo de Chaves.

Jorge Jesus admite as dificuldades, mas promete que a equipa vai lutar pelos três pontos: “Cada jogo tem a sua história mas os objetivos são sempre iguais, corremos atrás de um adversário que está à nossa frente, só a vitória nos interessa contra uma equipa que está numa situação delicada em função de defender a permanência na Liga. Vai ser um jogo difícil, temos de arranjar soluções para abrir a organização defensiva do Moreirense e estarmos atentos a situações de contragolpe”.

Já Petit contenta-se até com um empate: "Estamos a trabalhar para a manutenção e por isso queremos fazer um bom jogo. Temos hipóteses de fazer um bom resultado, se pudermos repetir o empate era positivo. O empate é positivo na casa de um adversário que luta pelo título. Vamos procurar um ou três pontos, não é fácil, mas não há impossíveis na vida. Se conquistarmos um ponto também ficamos satisfeitos”.