Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Mais uma demissão no conselho leonino: agora é Luís Campos Ferreira, que contesta os “atos e as omissões”

Miguel Relvas já tinha anunciado esta sexta-feira a sua saída do conselho leonino. Continua a instabilidade no Sporting

Expresso

Partilhar

Luís Campos Ferreira juntou-se a Miguel Relvas no ato “simbólico” de se demitir do conselho leonino, em protesto contra os acontecimentos dos últimos dias.

“A instabilidade crescente ao longo das últimas semanas no nosso Sporting, com atos e omissões com as quais não me identifico, levam-me a apresentar (...) o meu pedido de demissão”, escreveu Luís Campos Ferreira numa carta enviada a Jaime Marta Soares, presidente demissionário da mesa da assembleia geral do Sporting.

No mesmo texto é indicado que a decisão tem como “objectivo primordial contribuir para que o nosso Sporting possa reencontrar, o mais breve possível, a estabilidade necessária”.

A CARTA DE DEMISSÃO DE LUÍS CAMPOS FERREIRA NA ÍNTEGRA

Pedido de Demissão de Membro do Conselho Leonino

Exmo. Senhor Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal, Dr. Jaime Marta Soares,

A instabilidade crescente ao longo das últimas semanas no nosso Sporting, com atos e omissões com as quais não me identifico, levam-me a apresentar a V. Exa o meu pedido de demissão de Membro do Conselho Leonino.

O acto simbólico que representa esta minha posição tem como objectivo primordial contribuir para que o nosso Sporting possa reencontrar, o mais breve possível, a estabilidade necessária.

Sempre disponível para servir o Sporting Clube de Portugal,

Saudações Leoninas,
Luis Álvaro Campos Ferreira