Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Daniel Sampaio considera Frederico Varandas um “excelente nome” para disputar a presidência do Sporting

Apoiante de Bruno de Carvalho até à semana passada, o antigo dirigente dos leões defende que o até agora médico da equipa de futebol tem todas as condições para concorrer à liderança do clube, mas guarda uma posição definitiva para quando forem marcadas eleições

Joana Pereira Bastos

Professor catedrático e diretor do Serviço de Psiquiatria do Hospital de Santa Maria, Daniel Sampaio jubilou-se em 2016

Mike Sergeant

Partilhar

Daniel Sampaio, antigo dirigente leonino e vice-presidente da Assembleia Geral entre 2011 e 2013, considera Frederico Varandas, até agora médico da equipa de futebol do Sporting, um “excelente nome” para disputar a presidência do clube.

Ainda assim, Daniel Sampaio não quer, por enquanto, declarar o seu apoio a ninguém, afirmando, em declarações à Tribuna Expresso, que só tomará uma posição definitiva quando forem marcadas eleições.

O médico Frederico Varandas renunciou esta quinta-feira ao cargo de diretor do departamento clínico do Sporting para se candidatar à liderança do clube. No comunicado que publicou no Instagram, Varandas diz-se desiludido com a “faceta autocrática e sectária do Dr. Bruno de Carvalho” (AQUI).

Na sequência das agressões a jogadores e equipa técnica registadas na semana passada na Academia de Alcochete, Daniel Sampaio, apoiante de longa data de Bruno de Carvalho, defendeu a saída do presidente e a demissão coletiva de todos os órgãos sociais.

"Defendi até há muito pouco tempo a continuidade de Bruno de Carvalho atendendo ao excelente trabalho que fez no Sporting, mas neste momento não vejo outra saída que não seja eleições. Não é possível que tudo fique na mesma depois destes acontecimentos gravíssimos", frisou então o antigo dirigente leonino (AQUI).