Tribuna Expresso

Perfil

Sporting

Sousa Cintra, o homem imparável: Nani é apresentado esta quarta-feira, às 18h

Um dia depois de anunciar o 'regresso' de Bruno Fernandes, a Comissão de Gestão prepara-se para apresentar Nani

Pedro Candeias

Nani, capitão português na ausência de Ronaldo, marcou dois golos contra Gibraltar

MIGUEL RIOPA/Getty

Partilhar

Para quem está apenas de passagem pelo Sporting, Sousa Cintra tem demonstrado uma capacidade curiosa de mexer com o estado das coisas para deixar a sua marca: primeiro, porque reapareceu; segundo, porque contratou José Peseiro para treinador; terceiro, porque 'fez' regressar Bruno Fernandes; e quarto, porque o Sporting acaba de anunciar que irá apresentar Nani em conferência de imprensa, às 18h desta quarta-feira.

Para o extremo português, esta será a sua terceira vida em Alvalade, depois da primeira, que começou simbolicamente com José Peseiro, e da segunda, que passou pelas mãos de Bruno de Carvalho – o presidente deposto, já agora, irá apresentar a sua candidatura às 20h, num hotel lisboeta.

Para quem não sabe, Nani tem 31 anos e chega do Valencia, que o havia emprestado à Lazio na época passada, uma paragem sem sucesso, assinale-se, pois só disputou 18 jogos pelo clube italiano. Foi o seu pior biénio numa carreira iniciada em Alvalade e que depois prosseguiu pelo Manchester United (2007 a 2014, com uma vitória na Liga dos Campeões para contar), Sporting novamente (2014-15), Fenerbahçe (2015-16), Valencia (2016-17) e, por fim, a Lazio (2017-18).

Em termos internacionais, Nani foi durante muito tempo titular da seleção nacional e, inclusivamente, um dos melhores portugueses no Euro2016. Nos últimos meses, perdeu influência, espaço e, finalmente, o lugar na derradeira convocatória de Fernando Santos para o Mundial2018.