Tribuna Expresso

Perfil

Ténis

Sharapova avança para a terceira ronda do Open dos EUA com facilidade

A russa Maria Sharapova continua em maré ganhadora no US Open de ténis e esta quarta-feira impôs-se, na segunda ronda do torneio, à húngara Timea Babos, por 2-1, com os parciais de 6-7 (4/7), 6-4 e 6-1.

Lusa

Partilhar

Sharapova só entrou no 'Grand Slam' norte-americano graças a um 'wild card', já que caiu muito no 'ranking' por causa da suspensão por doping (é a 146.ª), mas está a provar em Flushing Meadows (Nova Iorque) que continua a ser uma das melhores do mundo, como se viu na forma como antes eliminou a romena Simona Halep, segunda pré-designada.

Babos, 59.ª da tabela mundial e de 24 anos - seis anos mais nova do que a russa -, só deu boa luta no primeiro 'set', após o que o excelente ténis de Sharapova veio ao de cima, resolvendo vários pontos com 'ases' ou respostas ganhadoras, no segundo 'set'.

O terceiro parcial acabou por ser praticamente um 'passeio' para Sharapova, que, num ápice, chegou a 4-1, com dois 'breaks', para depois concluir em 6-1, em duas horas e 19 minutos.

Na próxima ronda, a russa, vencedora do US Open em 2006, vai ter pela frente uma adversária ainda mais acessível - será uma das duas norte-americanas, que ainda jogam: Sofia Kenin e Sachia Vickery, que estão aqui graças a um 'wild-card' e ao apuramento dos 'qualifyings'.

Ainda na primeira ronda, registaram-se três vitórias das tenistas top-10 que estiveram em ação, a polaca Agnieszka Radwanska (10.ª), a russa Svetlana Kuznetsova (oitava) e a ucraniana Elena Svitolina (quarta).

A meio da jornada, vai sobressaindo, quanto a jogos de primeira ronda, a vitória fácil do austríaco Dominic Thiem (sexto da lista) ante o jovem australiano Alex de Minaur, por 6-4, 6-1 e 6-1.

Também se apuraram, na primeira ronda, o búlgaro Grigor Dimitrov, sétimo, e o belga David Goffin.

Lusa