Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

César Boaventura: “Sou agente de jogadores de futebol, não sou corruptor. O Benfica até hoje pagou-me zero. O Lionn é mentiroso”

O empresário de futebol foi ouvido no Tribunal de Esposende e desmentiu as acusações de corrupção: "Só lhe digo isto: o Apito Dourado não acabou"

SIC Notícias

Partilhar

César Boaventura foi hoje ouvido no Tribunal de Esposende no âmbito do processo movido por Cássio. O agente de futebol está a ser processado por difamação pelo guarda-redes. Em causa está uma declaração de César Boaventura, que acusou Cássio de ter facilitado no jogo com o FC Porto na época passada, que terminou com a vitória dos azuis e brancos.

Também Cássio já testemunhou hoje em Esposende.

No âmbito deste processo e enquanto testemunha, Lionn, ex-companheiro de equipa de Cássio, no Rio Ave, revelou em tribunal uma tentativa de aliciamento de jogadores do Rio Ave na época 2015/16 por parte de César Boaventura.

No final da sessão, o empresário falou aos jornalistas para reafirmar que nunca tentou aliciar jogadores para favorecer o Benfica. César Boaventura diz mesmo que Cássio e Lionn vão ter de provar a tentativa de corrupção e ataca Sporting e FC Porto. Deixa ainda críticas ao Conselho de Arbitragem.