Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

"No acidente houve mais vítimas além do condutor. Reyes não merece ser homenageado como um herói"

As palavras de Cañizares que estão a gerar polémica em Espanha.

Reuters Staff

Partilhar

Santiago Cañizares, antigo guarda-redes internacional espanhol, tem uma opinião contrastante em relação ao acidente que vitimou Jose Antonio Reyes, o futebolista que chegou a representar o Benfica e que perdeu a vida num trágico acidente de automóvel, no sábado.

Para Cañizares, Reyes não merece "uma homenagem como se fosse um herói", porque o incidente ocorreu quando o carro que conduzia seguia a alta velocidade. "Circular em excesso de velocidade é uma atitude reprovável".

Perante as críticas que se seguira à sua publicação no Twitter, Cañizares teve de explicar-se: "Ele merece uma homenagem pela sua carreira e pela contribuição que deu ao futebol".

.