Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

Caso de Alcochete. Funcionário do Sporting revelou hora do treino

GNR investiga lista de 72 pessoas com ligações ao caso de Alcochete. Foram criados dez grupos de WhatsApp para executar o ataque à Academia, planeado após receção de informação interna

Hugo Franco e Pedro Candeias

Partilhar

Uma simples troca de mensagens bastou para que a Juventude Leonina ficasse a saber a que horas iria começar o treino do Sporting, o primeiro depois da conturbada derrota na Madeira contra o Marítimo que afastou o clube da Liga dos Campeões e fez crescer a pique a tensão em Alvalade. “Amigo, preciso de um favor teu. Entre nós, treino amanhã a que horas é, sabes?”, perguntou um membro da claque, via WhatsApp, a um elemento da estrutura do Sporting, na noite anterior ao ataque em Alcochete.

Para continuar a ler o artigo, clique AQUI
(acesso gratuito: basta usar o código que está na capa da revista E do Expresso. Pode usar a app do Expresso - iOS e Android - para descarregar as edições para leitura offline)