Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

A história de como um skater surdo inventou um dos truques mais famosos da modalidade

Usar a mão da frente para agarrar o skate entre os pés ao virar: isto é o “mute grab”. Ou pelo menos foi esse o nome do truque durante quase 40 anos. Agora está a ser renomeado para homenagear o seu inventor, Chris Weedle, um skater surdo

Rita Coelho

Tara Moore

Partilhar

A ideia de alterar o nome de um truque de skate com quase 40 anos partiu de Tony Hawk. O lendário skater americano explicou a razão, numa publicação no Instagram: “Durante quase 40 anos, referimo-nos descaradamente a esse truque como ‘mute grab'." Depois, deu o contexto: "Aqui fica a história de fundo. por volta de 1981, um skater surdo de Colton, chamado Chris Weddle, era um amador proeminente no circuito de competição. Weddle foi o primeiro a fazer o truque e como era conhecido por ser quieto e 'quase mudo', o nome ficou 'mute grab' em sua honra.”

Instagram

“No ano passado perguntei ao Chris o que achava do nome e ele disse que preferia chamá-lo de ‘surdo’ ou Weddle se tivesse escolha. A citação exata que usou foi: ‘Eu sou surdo, não mudo’", explicou Hawk na fotografia de Chris a fazer o truque em questão, publicada na sua página pessoal.

“Vai ser um desafio quebrar o hábito de dizer o antigo nome, mas acho que Chris merece o reconhecimento” escreveu ainda sobre a decisão de passar a chamar ao truque “The Weddle Grab”. Hawk garante que Weddle ficou “feliz” com a mudança. O novo nome irá ser utilizado oficialmente pela primeira vez no videojogo "Tony Hawk's Pro Skater", que será lançado no início de setembro.