Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

Covid-19. Direção-Geral da Saúde reduz presença de público no Sporting de Braga-AEK

Em vez de um máximo de 4.500 espetadores, apenas poderão estar presentes 2.250 pessoas. O clube bracarense informa que, uma vez que já foram vendidos 2.200 bilhetes, a venda de ingressos está automaticamente encerrada

Julian Finney/Getty

Partilhar

O jogo da Liga Europa de futebol Sporting de Braga-AEK Atenas, na quinta-feira, vai ter menos público do que o inicialmente previsto por decisão da Direção-Geral da Saúde (DGS), revelou hoje o clube minhoto.

A Federação Portuguesa de Futebol informou o Sporting de Braga de que a DGS, "em função do agravamento da situação epidemiológica no país, decidiu reduzir de 15% para 7,5% a presença de público no Estádio Municipal de Braga", no jogo de quinta-feira, do grupo G da Liga Europa.

Ou seja, em vez de um máximo de 4.500 espetadores, apenas poderão estar presentes 2.250 pessoas. O clube bracarense informa que, uma vez que já foram vendidos 2.200 bilhetes, a venda de ingressos está automaticamente encerrada.

Este será o primeiro jogo com público no recinto bracarense após o Sporting de Braga-Portimonense da época anterior, em 06 de março, altura em que as competições foram interrompidas por causa da pandemia de covid-19.

A pandemia de covid-19 já provocou mais de 1,1 milhões de mortos e mais de 40,8 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 2.229 pessoas dos 106.271 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.