Tribuna Expresso

Perfil

Atualidade

Covid-19. Há um surto no Vasco da Gama e Ricardo Sá Pinto está infetado

Treinador português junta-se a uma dezena de jogadores do clube do Rio de Janeiro que já foram ou estão infetados. Deverá perder a primeira mão dos oitavos de final da Libertadores, frente ao Defensa y Justicia da Argentina

Lusa

HUGO DELGADO/Lusa

Partilhar

O treinador português Ricardo Sá Pinto está infetado com o novo coronavírus, que provoca a covid-19, juntando-se a uma dezena de futebolistas dos brasileiros do Vasco da Gama.

A notícia do portal Globoesporte, que ainda não foi confirmada pelos canais do clube, refere que o técnico luso vai realizar um novo exame, mas dificilmente embarcará para a Argentina, onde o Vasco da Gama defrontará o Defensa y Justicia, na quinta-feira, na primeira mão dos oitavos de final da Taça Sul-Americana.

Enquanto aguada pelo resultado do teste suplementar, Sá Pinto, de 48 anos, e que ainda orientou o treino desta segunda-feira, já está isolado, em quarentena.

Os futebolistas Leandro Castan, Miranda, Carlinhos, Ribamar, Ulisses, Tiago Reis, Talles Magno, Benítez, Fernando Miguel e Werley também já tinham testado positivo.

Destes atletas, somente Leandro Castan e Miranda já recuperaram e estão aptos a seguir com a comitiva para o desafio que se disputa às 00:30 de sexta-feira (horas de Lisboa).

Ricardo Sá Pinto chegou ao Vasco da Gama em outubro.