Tribuna Expresso

Perfil

Automobilismo

André Villas-Boas terá uma equipa no Rali Monte-Carlo

Treinador português faz parceria com Eric Camilli, o vencedor do WRC2 Monte-Carlo de 2020, com objetivos humanitários.

Alexandra Simões de Abreu

POOL New

Partilhar

André Villas-Boas vai fazer parceria com o vencedor do WRC2 Monte-Carlo de 2020, o francês Eric Camilli, para a edição de 2021 do Rali Monte-Carlo, que se realiza de 21 a 24 de janeiro, com o objetivo de aumentar a consciencialização a favor de causas humanitárias.

Com o apoio da Citroën Racing, a equipa “Race For Good” de André Villas-Boas, treinador do Olympique de Marseille, correrá na categoria WRC2, com o Citroën C3 Rally.

Citroën C3 Rally, o carro da equipa de Villas-Boas

Citroën C3 Rally, o carro da equipa de Villas-Boas

Citroen

O rali de Monte-Carlo é um dos eventos do WRC de maior prestígio e a sua visibilidade mundial cria o cenário perfeito para melhor promover a Ace Africa, uma ONG premiada que trabalha no Quénia desde 2003 e na Tanzânia desde 2007 e que ajuda as pessoas a assumir o controle do seu próprio futuro. Desde a sua fundação a Ace Africa já mudou a vida de 1,8 milhões de crianças e das suas famílias, trabalhando dentro das comunidades locais em parceria com os governos de modo a facilitar o acesso à saúde, educação e desenvolvimento económico.

André Villas-Boas começou a apoiar o Ace Africa em 2013. Em Janeiro de 2018, realizou um sonho antigo de participar no Rally Dakar e escolheu o Ace como uma das três instituições de caridade para ser promovida pela sua Toyota Overdrive Race For Good Team.