Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Weigl: o segundo reforço mais caro da história deu um saltinho aos Soccer Awards e aterra em Lisboa

O médio alemão faz hoje os testes médicos e oficializa a ligação ao Benfica. Já deve estar às ordens de Lage na preparação do jogo com o Aves. Já que perguntam, RDT é o mais caro de sempre

Tribuna Expresso

“Quem, eu?”. Sim, tu entraste diretamente para o topo das contratações do SLB

TF-Images

Partilhar

O jogador alemão Julian Weigl está prestes a chegar a Lisboa, de acordo com o jornal “Record”, podendo ser apresentado ainda hoje como reforço das Águias. O médio, contratado ao Borussia Dortmund, assinará contrato até junho de 2025. E o clube da Luz pretende mesmo que o jogador entre nos planos de Bruno Lage já na receção ao Aves, na 16ª jornada do campeonato.

O entendimento entre os dois clubes foi conseguido numa deslocação de Luís Filipe Vieira e Tiago Pinto à Alemanha. No comunicado enviado à CMVM no último dia de 2019, a SAD benfiquista anunciou que o negócio foi concluído por 20 milhões de euros, verba que faz do médio o segundo reforço mais caro da história do clube, a par de Raul de Tomas. No entanto, Weigl é o único jogador do top 5 que não tem cariz ofensivo.

Na viagem entre Dortmund e a Luz, o médio fez um “pequeno” desvio para assistir à cerimónia dos Globe Soccer Awards, no Dubai, onde curiosamente viu o Benfica ser consagrado como melhor academia do ano. Weigl fez o último jogo pelo Borussia a 20 de dezembro, diante do TSG Hoffenheim.

Depois dos testes médicos e da assinatura do contrato, o futebolista de 24 anos irá juntar-se ao plantel comandado por Lage. Do médio, que habitualmente atua como “6”, os encarnados esperam que esteja pronto para jogar frente ao Aves, partida agendada para 11 de janeiro. Poderá ser uma forma de integrar o jogador, uma vez que, logo a seguir, o Benfica receberá o Rio Ave, para a Taça de Portugal, e irá a Alvalade, para a Liga.

Entretanto, o Benfica desmentiu ontem que o acordo com o médio alemão preveja o pagamento de 15 mil euros por cada ponto conquistado pela equipa na Liga. De acordo com esta teoria, Weigl poderia receber, até final da época, 900 mil euros, uma vez que ainda estão em disputa 60 pontos. O Benfica apressou-se a classificar esta informação como "falsa".

Julian Weigl vai auferir um vencimento superior àquele que tinha no Borussia. Além dos valores em cima da mesa, de acordo com o “Record”, o projeto apresentado foi fundamental para a escolha do germânico