Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

“Mau momento? Estamos em primeiro e na final da Taça”

O Benfica joga este sábado em casa, com o Braga, depois de ter visto o FC Porto a aproximar-se na tabela classificativa e a ficar a quatro pontos. Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Sporting de Braga, Bruno Lage reconheceu as dificuldades do adversário e admitiu que as águias vão encontrar um adversário "muito competente"

SIC Notícias, Lusa e Tribuna Expresso

Partilhar

O treinador do Benfica, Bruno Lage, alertou hoje para a competência do Sporting de Braga e para as dificuldades que vai colocar aos 'encarnados' no embate de sábado, da 21.ª jornada da I Liga de futebol.

"Esperamos um Braga muito competente pelo que tem feito ao longo da época. No último mês foi a melhor equipa em Portugal, fez um mês fantástico, quer no campeonato, quer na Taça da Liga. Só uma grande equipa pode vencer este Braga", afirmou o técnico, de 43 anos, em conferência de imprensa realizada no Benfica Campus, no Seixal.

Desafiado a analisar em detalhe o adversário e a sequência positiva de oito jogos desde a entrada do técnico Rúben Amorim - sete vitórias consecutivas, cinco das quais na I Liga, e um empate -, Bruno Lage não poupou elogios e até admitiu ter ficado "um pouco surpreendido" por ter vencido a votação de melhor treinador no mês de janeiro para a Liga portuguesa.

“Mau momento? Há quatro ou cinco dias a perspetiva era outra. Não fizemos o jogo que pretendíamos no Dragão. Três dias depois, tivemos um jogo muito complicado em Famalicão, mas o que me deixa satisfeito é que, no nosso percurso em termos nacionais, a equipa soube dar uma boa resposta. O momento pode ser bom ou menos bom. Em termos nacionais, estamos em primeiro lugar e na final da Taça. O mais importante é sentirmos que amanhã temos uma oportunidade muito boa para voltar a jogar bem diante dos nossos adeptos, de fazer um grande jogo", disse Bruno Lage

Já sobre o médio Gabriel, que se encontra de fora, o treinador não quis fazer prognósticos. “Não temos previsão de nada. É uma situação que aconteceu e, neste momento, a nossa preocupação é de olhar para o que é o lado humano e o ser humano que é o Gabriel. É um jogador fantástico, que nos faz falta, mas todos fazem. O contributo do Gabriel tem sido importante, é um jogador que dá garantias de qualidade à equipa, mas todos oferecem coisas boas e não o tendo em campo outro entrará e dará o seu contributo à equipa. Temos de arranjar soluções para a equipa continuar com a dinâmica e a qualidade de jogo”.