Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Keaton, diz o que achas dos teus ex-colegas: “Samaris é o mais fixe, Jonas é talento, Zivkovic grita muito e Alfa Semedo é hilariante”

Em entrevista ao "Benfica Podcast", o médio norte-americano recordou a sua passagem pelo clube da Luz, onde esperava ter jogado mais

Tribuna Expresso

Gualter Fatia

Partilhar

O médio norte-americano Keaton Parks pensava que ia jogar mais quando Bruno Lage assumiu a equipa principal do Benfica. Por ser "fã de Bruno Lage" e por achar que Bruno Lage também era seu fã, e porque ele e Florentino faziam "dupla no meio-campo" da equipa B do Benfica que era treinada, justamente, por Bruno Lage. Mas não aconteceu e Parks saiu para os EUA.

"A equipa principal tinha muitos médios, Gabriel, Pizzi ou Taarabt. Gosto de pensar que podia ter jogado mais e talvez não tenha aproveitado melhor as oportunidades que tive", disse Keaton Parks ao Benfica Podcast, entrevista na qual também respondeu a perguntas sobre os seus antigos colegas. E definiu-os assim:

"Foi uma loucura ter jogado com o Jonas, com o Pizzi, com o Salvio. Ainda os vejo na televisão - bem, o obviamente, não vejo o Jonas, porque ele já acabou a carreira. Mas o Joanas foi tinha um talento incrível, aprendi muito a falar com ele e a vê-lo jogar". E os outros? "Taarabt é muito meu amigo e é classe", "Rúben Dias é a máquina" e Gedson "é um talento mundial".

Agora, as análises mais pessoais: "O Samaris é o mais fixe", o Jota "tem habilidades incríveis", "Tiago Dantas é um dos mais inteligentes com quem jogou", "Alfa Semedo é hilariante", "Zivkovic grita muito em campo e é cinco estrelas fora dele", "João Félix está noutro nível" e "Florentino é um bom amigo".

Estão feitas as apresentações.