Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

“Operação sem Rosto”: PSP de Lisboa faz buscas domiciliárias e detém sete elementos dos No Name Boys

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP adianta que na origem da operação está uma investigação a elementos da claque No Name Boys, apoiante do Benfica

Hugo Franco e Pedro Candeias

Jean Catuffe

Partilhar

A Polícia de Segurança Pública (PSP) realizou uma operação na Área Metropolitana de Lisboa no cumprimento de mandados de busca domiciliária e de detenção por vários crimes relacionados com a claque No Name Boys. Fontes da PSP revelaram ao Expresso que foram detidos sete suspeitos.

Em comunicado, o Comando Metropolitano de Lisboa da PSP adianta que na origem da operação está uma investigação a elementos da claque No Name Boys, apoiante do Benfica. "Ao longo de aproximadamente um ano, foram investigados vários crimes, entre eles, roubos, ofensas à integridade física qualificadas, danos e homicídio na forma tentada, praticados por um grupo de indivíduos pertencentes à claque No Name Boys", lê-se no texto.

De acordo com a PSP, estão a decorrer várias diligências processuais e investigatórias, nomeadamente, buscas domiciliárias e não domiciliárias, bem como o cumprimento de vários mandados de detenção fora de flagrante delito, emitidos por autoridade judiciária.

Esta operação foi chamada "Sem Rosto" e a Tribuna Expresso sabe que são sete o número de detidos.