Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Veríssimo: "Falar já da final da Taça com o FC Porto seria um desrespeito para o Sporting e para o Aves"

O treinador do Benfica lançou o jogo de terça-feira, com o Vitória de Guimarães, abordando a luta pelo título praticamente perdida para o FC Porto e a final do Jamor

Tribuna Expresso

Octavio Passos/Getty

Partilhar

Jogadores contra Lage?

"O Benfica joga sempre da mesma forma, tem um plantel com 25 jogadores e são todos muito profissionais. Estou aqui há ano e meio e, neste período, todos eles tentaram cumprir ao mais alto nível aquilo que lhes foi proposto".

O ponto final

"O nosso foco é o nosso jogo. Tudo o que possa vir a seguir tem de ficar à margem [FC Porto está a um ponto de sagrar-se campeão nacional]. Temos de focar-nos no que controlamos. Não há pressão acrescida. A pressão, aqui no Benfica, é sempre a mesma: entrar em campo para ganhar o próximo jogo. Tendo consciência da situação da classificação, o nosso objetivo tem de ser aquilo que nós controlamos, que é o jogo com o Vitória".

Empate em Famalicão

"Temos de ir à procura do jogo, à procura do resultado, e fazer golos para ganhar. O plantel está a reagir com um sentimento de revolta face ao empate de Famalicão, porque existiu insatisfação face ao resultado que obtivemos mediante o que jogámos. Mas o futebol é isto mesmo, as bolas que entram e não entram".

O Vitória

"Esperamos um Vitória organizado e com vontade de ter bola. Mas também podem esperar uma equipa em busca da vitória, de fazer golos e ganhar. Ainda é muito cedo para falar sobre a final da Taça com o FC Porto. Seria um desrespeito para com o Aves e o Sporting, que ainda vamos enfrentar entre o Guimarães e essa final [1 de agosto]".