Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Jorge Jesus: "Sentíamos que se passássemos estas duas eliminatórias podíamos ir muito longe na Champions"

Em declarações à TVI24, Jorge Jesus lamentou a derrota do Benfica frente ao PAOK, um revés na época, já que chegar longe na Champions era um dos objetivos dos encarnados. O treinador lamentou a falta de eficácia e também os problemas na organização defensiva, que acabaram por ditar o afastamento da equipa da competição

Tribuna Expresso

Gualter Fatia/Getty

Partilhar

A derrota

"Sentíamos que se passássemos estas duas eliminatórias podíamos ir muito longe. Na 1.ª parte criámos oportunidades e a equipa do PAOK praticamente não fez um remate. Na 2.ª parte dividimos mais o jogo, deixámos sair com alguma tranquilidade o contra-golpe do PAOK. Eles têm um miúdo muito agressivo a jogar no um-contra-um e entraram na nossa última linha com duas diagonais que nos mataram em termos de resultado"

Falta de eficácia

"Tivemos muita qualidade ofensivamente, criámos oportunidades, mas nesta altura ainda não conseguimos fazer tantos golos quanto as oportunidades que criamos. O guarda-redes do PAOK também teve mérito, tirou-nos dois ou três golos. Temos valor e agora temos de nos preparar para o próximo jogo que é na sexta-feira em Famalicão. Vamos analisar este jogo. Fizemos mais coisas boas do que más. A única coisa negativa é o resultado e ainda não termos uma organização defensiva tão forte como quero"

Passo atrás na época

"É um passo atrás porque sais da Champions. Esse era o sonho, chegar o mais longe possível na Champions, sabendo que é uma competição que tem um nível no qual não estamos preparados para sermos favoritos. Mas sabemos que podíamos fazer coisas interessantes. É uma desilusão o resultado, mas não pelo que a equipa jogou. Ainda não temos capacidade para definir toda a qualidade de jogo em termos de finalização. Estamos aqui há cinco semanas, claro que ainda temos muito trabalho para fazer. Estávamos convencidos que estas semanas serviam para mostrar que somos melhor equipa que o PAOK"