Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Jorge Jesus: "Com todo o respeito, o Moreirense não saiu daqui com um saco cheio de golo porque não aconteceu"

O treinador do Benfica elogiou a capacidade ofensiva da equipa, após a vitória (2-0) contra o Moreirense, e ainda elogiou Darwin Núñez, que não marcou, mas fez a terceira assistência esta época: "Está a crescer, ainda é um peixinho fora de água. Quando ele tem a bolinha sabe o que tem de fazer, mas quando não tem a bolinha ainda não sabe muito bem o que fazer"

Tribuna Expresso

CARLOS COSTA/Getty

Partilhar

O jogo

"Uma demonstração de grande qualidade num jogo que não foi nota artística porque tinha de ser 6-0, 7-0, mas tinha dito que o Benfica ia estar melhor do que em Famalicão, tivemos jogadas de grande qualidade técnica, foi pena não traduzirmos isto em mais golos. Não estou muito concentrado, estar aqui a falar consigo e estar a levar com esta música [do estádio]..."

A qualidade ofensiva

"Só uma equipa que faz 30 remates e 10 na baliza, com a qualidade de jogo tem ofensivamente, e a intensidade... O Moreirense não criou uma chance golo, fez um remate que o Ody [Vlachodimos] defendeu na primeira parte, portanto, foi uma equipa que passou 90 e poucos minutos dentro do meio campo, a jogar com todos, menos o Abreu, e mesmo assim não conseguiu parar o Benfica porque o Benfica, neste momento, já está uma equipa muito difícil de parar. Falta traduzir esta qualidade de jogo em golos."

Darwin e o Moreirense

"Como viram, é um jogador com muita velocidade quando acelera, é um criador e um finalizador, mais uma vez assistiu de bandeja para mais um golo. Ainda está a crescer, ainda é um peixinho fora de água. Quando ele tem a bolinha sabe o que tem de fazer, mas quando não tem a bolinha ainda não sabe muito bem o que fazer. Mas de certeza que acertámos no jogador, com 21 anos ainda tem uma margem de progressão muito grande. Quando estiver adaptado à equipa e não tão introvertido... Para ele, isto ainda é outro mundo, ainda está um pouco ansioso, mas tem tudo para ser um grande jogador.

Tem estado a justificar jogo a jogo e a equipa também. Esteve bem defensivamente, praticamente não deixámos o Moreirense sair, não foi o Moreirense que, o ano passado, empatou aqui 1-1. Com todo o respeito, é uma equipa taticamente bem trabalhada, é um treinador jovem com muita capacidade, mas, na gíria futebolística, não saiu daqui com um saco cheio de golos porque não aconteceu."