Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Negócio feito e confirmado pelo Benfica: sai Rúben Dias, entra Otamendi

O Benfica confirmou à Comissão de Mercado dos Valores Mobiliários o acordo para a venda do central português ao Manchester City, por €68 milhões - e, também, para a compra do central argentino, por €15 milhões

Diogo Pombo

Carlos Rodrigues/Getty

Partilhar

Os olhos a lacrimejarem, a voz a tremer de falha, o abraço que dera a Rui Costa, a braçadeira que lhe deram para a despedida, tudo indicara, no sábado, o confirmado agora neste domingo. Rúben Dias vai mesmo embora do Benfica, falta apenas colocar o preto no branco e a tinta num contrato com o Manchester City, porque entre os clubes está tudo feito.

O Benfica confirmou à Comissão de Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM) o acordo para a venda do central português por €68 milhões de euros, ficando os ingleses com 100% do passe de Rúben Dias. Poderão acrescer €3,6 milhões, "dependente da concretização de objetivos relacionados com a performance desportiva" do jogador.

Daniel Chesterton/Offside

Minutos depois de a CMVM publicar este documento, deixou outro, em que o clube da Luz revelou, em sentido inverno, a contratação de Nicolás Otamendi. O argentino, que jogou três épocas e meia no FC Porto (entre 2010 e 2013), foi três vezes campeão nacional com os portistas e conquistou até uma Liga Europa, foi contratado a troco de €15 milhões pagos ao Manchester City, onde esteve nas últimas cinco temporadas.

Fica o Benfica com a totalidade do passe do argentino, que está com 32 anos e com quem ainda faltava, à hora da divulgação do comunicado, assinar um contrato de trabalho.

Sai um central de 23 anos, titular da equipa e da seleção nacional, entra um central que lhe é um anagrama na idade, que nem sempre era titular no City (era-o, sim, na Argentina), onde exibia falhas em partidas de maior dificuldade, exigência e pressão.