Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Jorge Jesus: "Não demos continuidade aos primeiros 45 minutos. Tivemos todas as possibilidades de ganhar o jogo aqui"

O treinador do Benfica lamentou a prestação da equipa na segunda parte do jogo contra o Santa Clara, que terminou empatado (1-1) e deixou o clube da Luz a quatro pontos do Sporting, que está no primeiro lugar. "Estamos todos ali colados no segundo lugar, ainda há muito campeonato", disse também Jorge Jesus

Tribuna Expresso

EDUARDO COSTA/LUSA

Partilhar

A análise ao jogo

"A primeira parte do Benfica foi muito boa, com muita qualidade, um golo bonito e algumas situações de jogo bonitas. Praticamente dominámos todas os momentos de jogo. A partir do momento em que o Gilberto saiu, a equipa quebrou. A equipa do Santa Clara estava a carburar muito jogo pelo corredor esquerdo, a nossa equipa ficou um pouco preocupada, como é normal.

Depois do 1-1, nos últimos 15 minutos voltámos à normalidade, mas já não fomos uma equipa tão perigosa em termos do ganharmos as zonas de finalização, mas dominámos o jogo apesar de não criarmos grandes oportunidades na segunda parte. O Santa Clara fechou-se bem e fez o seu trabalho, que era tentar segurar o ponto. Foi um jogo difícil contra uma equipa que se bate bem, mas não demos continuidade aos primeiros 45 minutos."

As substituições

"Tentámos mexer com algumas limitações, há vários jogadores que estão de fora. Tentámos dar mais criatividade e poder à zona ofensiva, com o Ferreyra e o Darwin, mas já não conseguimos ganhar com tanta facilidade os corredores para que esses jogadores pudessem ser assistidos para finalizações.

O Santa Clara também se fechou bem, mas a ideia da entrada do Ferreyra, do Pizzi e do Chiquinho foi para tentar mexer nas características dos jogadores, mas não conseguimos mexer com as características do jogo."

Os quatro pontos de desvantagem para o Sporting

"Estamos todos ali colados no segundo lugar. Estamos na 12.ª jornada com este jogo, portanto, há muito campeonato. Espero bem poder recuperar o plantel todo, há muita gente de fora e os jogadores que estão a chegar vêm de problemas com covid, o que demora a criar uma condição física normal. Isso tem influência no plantel, não no jogo de hoje. Tivemos todas as possibilidades de ganhar o jogo aqui."

A choque de cabeças entre Gilberto e Jean Patric

"Ainda não vi, tinha um golpe muito profundo na cabeça, não sei quantos pontos vai levar, mas o médico disse que não podia continuar no jogo. E a nossa primeira quebra foi a saída do Gil."