Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Benfica

"Há um défice de liderança, falta uma voz de comando" no Benfica, diz Noronha Lopes

O candidato derrotado nas últimas eleições presidenciais do Benfica escreveu uma longa mensagem nas redes sociais a propósito do atual momento da equipa de futebol que perdeu a Supertaça e empatou com o Santa Clara

Tribuna Expresso

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Partilhar

João Noronha Lopes, um dos candidatos derrotados nas últimas eleições presidenciais do Benfica, lançou uma mensagem crítica contra a direção do clube, cuja equipa de futebol empatou na segunda-feira com o Santa Clara. Segundo Noronha Lopes, o Benfica "vive um défice de liderança" e "falta uma voz de comando que inspire os que estão em jogo e que motive aqueles que sofrem por fora".

Esta é a primeira vez que João Noronha Lopes toma uma posição pública desde o sufrágio de outubro, em que obteve 34,71% dos votos no ato eleitoral mais participado da história do clube.

Leia a mensagem na íntegra:

"Começámos um mês importante numa época em que o Benfica tem de voltar às conquistas. É essa a exigência colocada por todos aqueles que vivem o clube com paixão. A nossa identidade forjou-se com ambição e vontade de vencer. Mas também com garra, entrega e superação, "à Benfica", em todos os estádios, de norte a sul do país.

Numa altura em que os benfiquistas estão impedidos de apoiar na bancada, é fundamental que a liderança do clube esteja ainda mais presente e seja um exemplo. Infelizmente, não é a isso que assistimos.

O Benfica vive um défice de liderança. Falta uma voz de comando que inspire os que estão em jogo e que motive aqueles que sofrem por fora. Uma liderança sem silêncios, sem desculpas e sem resignações.

Esperemos que as próximas semanas tragam sinais claros de que todos compreendem o clube que representam e estão à altura do momento. Sei que é isto que os benfiquistas esperam e desejam: mais liderança e maior exigência. Com ambas acredito que venceremos os títulos que ainda podemos conquistar esta época. Viva o Benfica!
"