Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Covid-19 Benfica: Diogo Gonçalves, Gilberto, Vertonghen, Waldschmidt e Grimaldo infetados

Estão todos indisponíveis para jogar com o Braga, para a Taça da Liga, encontro a disputar esta quarta-feira em Leiria

Tribuna Expresso

Quality Sport Images/Getty

Partilhar

Dos 17 novos casos positivos à covid-19 do Benfica, cinco são jogadores da equipa profissional de futebol, a saber, Diogo Gonçalves, Gilberto, Vertonghen, Waldschmidt e Grimaldo. Ou seja, Jorge Jesus perde os dois defesas-direitos (André Almeida continua em recuperação), um dos centrais, o médio criativo e o lateral espanhol, uma das surpresas do treinador no clássico (alinhou como médio e marcou o golo dos encarnados).

Os restantes infectados são membros do staff e equipa técnica, a saber, João de Deus, Pietra e Fernando Ferreira, respectivamente, treinadores-adjuntos e treinador de guarda-redes. O presidente Luís Filipe Vieira também é um dos infectados.

Estão assim emagrecidas as opções de Jorge Jesus para o encontro de quarta-feira, com o Braga, a contar para a Taça da Liga, jogo esse que o Benfica pediu à DGS que se pronunciasse quanto à sua realização, por "razões sanitárias".

A Direção-Geral de Saúde, entretanto, já emitiu um comunicado em que remeteu essas decisões para a Autoridade Regional de Saúde e para a Liga, que organiza a competição e da qual a Tribuna Expresso ainda não obteve resposta oficial.

*Artigo atualizado às 13h36, com a informação do nome dos jogadores do Benfica e a notícia do caso positivo de Luís Filipe Vieira, presidente do Benfica