Tribuna Expresso

Perfil

Benfica

Odysseas assume vontade de sair da Luz: "O Benfica deu-me muito, mas penso que estão reunidas as condições para dar o passo seguinte"

Recentemente remetido para suplente de Helton Leite, o guarda-redes grego revelou que quer sair do Benfica: "No final da última época, já estava preparado para uma possível saída, mas penso que a pandemia acabou por dificultar que isso acontecesse"

Lusa

Gualter Fatia

Partilhar

O guarda-redes Odysseas Vlachodimos afirmou que está na altura de abandonar o Benfica, depois de três temporadas no clube da Luz, e considerou que talvez a transferência ainda não tenha acontecido devido à pandemia da covid-19.

Em entrevista publicada hoje pelo jornal grego Sportv 24, numa altura em que esteve ao serviço da seleção helénica, o guardião, de 26 anos, assumiu o desejo de disputar um dos principais campeonatos europeus e ingressar numa equipa que esteja na Liga dos Campeões.

“Estou pronto para seguir em frente. É algo que quero. Consolidei a minha carreira, conquistei títulos e joguei a Liga dos Campeões e a Liga Europa. O Benfica deu-me muito, mas penso que estão reunidas as condições para dar o passo seguinte”, disse Vlachodimos.

Depois de duas temporadas a titular, o guarda-redes grego perdeu no último mês o lugar na equipa ‘encarnada’ para o brasileiro Helton Leite, situação que abriu a porta à saída. “Penso que agora o clube está preparado para discutir propostas. No final da última época, já estava preparado para uma possível saída, mas penso que a pandemia acabou por dificultar que isso acontecesse”, referiu.

Nascido na Alemanha e formado no Estugarda, tendo depois passado pelo Panathinaikos, Vlachodimos confirmou que um regresso à ‘Bundesliga’ é uma possibilidade, mas que o seu principal objetivo é atuar numa liga das chamadas ‘big 5’.

“Ter saído do Panathinaikos para o Benfica foi sem dúvida o passo certo. Melhorei em tudo na minha posição. Mas agora é altura de tentar um novo desafio”, concluiu.

Vlachodimos tem 119 jogos disputados pelo Benfica, tendo conquistado um campeonato e uma Supertaça portuguesa ao serviço do emblema lisboeta.