Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Ciclismo

Ciclista de São Marino de 21 anos morre após complicações devido à covid-19

Michael Antonelli não resistiu a uma grave crise respiratória depois de testar positivo à covid-19. Era considerado um doente de risco, depois de um acidente durante uma prova, em 2018, o deixar em coma e com várias sequelas

Tribuna Expresso

D.R.

Partilhar

Na segunda-feira, Michael Antonelli fez 21 anos e o aniversário já foi passado no hospital. Nesse mesmo dia, o ciclista de São Marino seria hospitalizado com uma grave crise respiratória depois de testar positivo à covid-19 e não resistiu. Esta sexta-feira, a sua equipa, a Mastromarco Sensi Nibali confirmou a morte do jovem ciclista.

Apesar dos 21 anos, Michael Antonelli era um doente de risco, já que se encontrava em processo de reabilitação após um grave acidente na clássica Florença - Viareggio, em 2018, que o deixou em coma e com várias sequelas física e cognitivas. De acordo com a sua equipa, o atleta mostrava finalmente alguns sinais de recuperação do acidente de 2018 quando testou positivo à covid-19.

“O Michael foi hospitalizado em São Marino a 30 de novembro depois de ele e toda a sua família testarem positivo à covid-19. A mãe e o irmão ficaram em isolamento em casa, enquanto Michael, devido aos seus problemas de saúde, foi imediatamente admitido no hospital. Todos os cuidados foram tomados. Foi depois colocado nos cuidados intensivos mas infelizmente o seu estado de saúde deteriorou-se rapidamente e o Michael não conseguiu vencer estar última batalha”, pode ler-se numa nota colocada no site oficial da Mastromarco Sensi Nibali.