Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Ciclismo

Era dia para fugas e João Almeida manteve o 8.º lugar antes de o Giro regressar à montanha

O português, como todos os outros trepadores e ciclistas do top-10 com olho em algo mais, assistiu à fuga na etapa plana desta quinta-feira, ganha por Alberto Bettiol. A 19.ª tirada, na sexta-feira, devolverá a Volta a Itália à montanha, com uma chegada de primeira categoria

Diogo Pombo com Lusa

LUCA BETTINI/Getty

Partilhar

A 18.ª etapa era relativamente plana, coisa para puxar pelas pernas q.b. na escala de estouvamento de uma Grande Volta, ainda para mais quando, para o dia seguinte, estava reservada mais uma escalada montanhosa a terminar bem lá no alto.

Estava quinta-feira foi um dia os trepadores e, por arrasto, as gentes que estão na luta por algo mais no top-10 da classificação, para não queimarem os músculos e deixarem essa tarefa para os velocistas, os sprinters ou os esporádicos fugitivos

O italiano Alberto Bettiol (Education First-Nippo) foi um deles e venceu a 18.ª etapa da Volta a Itália em bicicleta, ao vingar a fuga do dia. O colombiano Egan Bernal (INEOS) conservou a liderança da geral individual e dormirá a pensar nas inclinações de sexta-feira - algumas tocarão nos 14%, algures nos 10 quilómetros finais que serão sempre a subir até à meta.

João Almeida está a oito minutos e quarenta e cinco segundos da camisola rosa, numa altura em que a sua equipa, a Deceuninck-QuickStep, o tem como o indubitável chefe de fila, mesmo que um pouco forçado pelas circunstâncias - apesar da prestação do ano passado e do atual, o português chegou a trabalhar para Remco Evenepoel, o belga que abandonou o Giro na etapa anterior, devido a uma queda.

Bettiol, o vencedor desta quinta-feira, completou com os 27 anos os 231 quilómetros entre Rovereto e Stradella em 5:14.44 horas, batendo por 17 segundos o também italiano Simone Consonni (Cofidis), segundo colocado, enquanto o irlandês Nicolas Roche (DSM) terminou em terceiro.

O pelotão chegou a 23 minutos do vencedor, com os principais favoritos à geral, que continua a ser encabeçada por Egan Bernal, com 2.21 minutos de vantagem para o italiano Damiano Caruso (Bahrain-Victorious), segundo, e 3.23 para o britânico Simon Yates (BikeExchange), terceiro.

Na sexta-feira, o pelotão enfrenta a 19.ª tirada, com 166 quilómetros entre Abbiategrasso e Alpe di Mera, com uma contagem de montanha de primeira categoria a coincidir com a meta.