Tribuna Expresso

Perfil

Ciclismo

O cume do Tour é de Pogacar

Pela segunda etapa consecutiva, o ciclista esloveno foi o mais rápido a percorrer a distância com várias contagens de montanha (incluindo o mítico Tourmalet) pelo meio. Pogacar está encaminhado acabar mais uma Volta a França vestido de amarelo

Lusa

ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/Getty

Partilhar

O ciclista esloveno Tadej Pogacar (UAE Emirates) conquistou, esta quinta-feira, a sua terceira vitória na 108.ª edição da Volta a França, ao coroar isolado o alto de Luz Ardiden, consolidando ainda mais a camisola amarela na 18.ª etapa.

Na última das três chegadas em alto da 108.ª edição do Tour, o campeão em título, de 22 anos, cumpriu os 129,7 quilómetros entre Pau e Luz-Ardiden em 03:33.45 horas, e deixou a dois segundos os seus mais diretos adversários, Jonas Vingegaard (Jumbo-Visma) e Richard Carapaz (INEOS), respetivamente segundo e terceiro na tirada.

O agora também líder da classificação da montanha reforçou a amarela, tendo o dinamarquês da Jumbo-Visma na segunda posição, a 05.45 minutos, e o equatoriano da INEOS na terceira, a 05.51.

Na sexta-feira, os sprinters que restam no pelotão voltam a ter uma oportunidade de vencer na ligação de 207 quilómetros entre Mourenx e Libourne.

  • Tadej Pogacar está ainda mais amarelo no Tour
    Ciclismo

    O ciclista esloveno, de 22 anos e vencedor do último Tour, reforçou a liderança que tem na atual edição, ao ser o mais rápido a terminar a 17.ª etapa. Tadej Pogacar e o resto do pelotão ainda terão pela frente a histórica escalada ao Tourmalet, na quinta-feira