Tribuna Expresso

Perfil

Coronavírus

Capitães da I e II ligas pedem suspensão dos campeonatos

A revelação foi feita pelo Sindicato dos Jogadores, após uma reunião conjunta

Pedro Candeias

Quality Sport Images

Partilhar

Os capitães da I e II ligas, provas organizadas pela Liga Portugal, pedem a suspensão dos dois campeonatos. A revelação foi feita pelo Sindicato dos Jogadores, e resulta depois de uma consulta aos “capitães de equipa que participam na Primeira e Segunda Ligas” que concluíram não existir “condições para o desenvolvimento da atividade profissional de futebolista em segurança”.

Esta informação surge instantes depois de a Federação Portuguesa de Futebol ter decidido parar as competições que organiza no futebol e futsal masculino e feminino. Questionada pelo Expresso, a Liga garantiu não ter ainda chegado a alguma conclusão. É público, porém, que a SportTV comunicou que irá transmitir as duas próximas jornadas em sinal aberto, face à pandemia da Covid-19.

Leia o comunicado na íntegra:

Face aos últimos acontecimentos, designadamente à confirmação de casos positivos de atletas com Covid-19, em Itália, Espanha e Estados Unidos e à proliferação do número de casos de infeção em Portugal, que aproxima rapidamente o país da fase mais grave de contágio, o Sindicato dos Jogadores, ouvidos os capitães de equipa que participam na Primeira e Segunda Ligas, comunica o entendimento de que não existem condições para o desenvolvimento da atividade profissional de futebolista em segurança, reforçando acrescidas preocupações com a infeção que, a ocorrer, se traduzirá num prejuízo agravado, porquanto a execução da sua prestação laboral depende, inquestionavelmente, da plena saúde e condição física para o alto rendimento.

O Sindicato tem acolhido as recomendações da DGS e articulado com as autoridades competentes as medidas adequadas, mas não pode, perante o agravamento das circunstâncias e o risco associado, deixar de assumir a intenção de dar este passo em frente na defesa dos jogadores.

Face ao exposto, o Sindicato solicitou à Liga Portugal e à FPF uma reunião com caráter de urgência do grupo de trabalho criado para monitorizar a situação, tendo em vista a proposta de suspensão de todas as competições desportivas, masculinas e femininas e respetivos treinos, reforçando assim as medidas já introduzidas por recomendação da DGS e médicos especialistas no tema.

O Sindicato reuniu durante a manhã com a Federação e a Liga e esta tarde terá lugar a reunião do grupo de trabalho”.