Tribuna Expresso

Perfil

Coronavírus

Ex-campeão mundial italiano teve o coronavírus: “Fui estúpido, subestimei”

O antigo futebolista internacional italiano Giuseppe Bergomi recuperou da covid-19, revelou hoje o ex-jogador, uma das maiores referências do Inter Milão, que contribuiu para a conquista do título mundial em 1982 pela seleção transalpina

Lusa e Tribuna Expresso

Bettmann

Partilhar

O antigo futebolista internacional italiano Giuseppe Bergomi recuperou da covid-19, revelou hoje o ex-jogador, uma das maiores referências do Inter Milão, que contribuiu para a conquista do título mundial em 1982 pela seleção transalpina.

Bergomi, de 56 anos, afirmou durante uma conversação na rede social Instagram que esteve infetado e que, durante cerca de 20 a 25 dias, a partir do início de março, sentiu muitas dores e uma fraqueza constante.

“Fui estúpido, subestimei o que sentia. A 21 de fevereiro fiz um jogo e um deles estava com pneumonia. Não jogámos mais, mas no dia 26 estive em Nápoles para comentar o jogo com o Barcelona e, depois, em Perugia a assistir ao jogo com o Benevento. Acho que subestimei demais, pois estive em contacto com várias pessoas”. Depois, no início de março, Bergomi sentiu “problemas nas costas e no olfato. Pensei que era uma gripe, mas depois fiz o teste e deu positivo. Estive isolado 20/25 dias, mas agora sinto-me bem e já comecei a correr”.

O ex-futebolista, que é atualmente comentador desportivo, foi figura de destaque no futebol em Itália, o segundo país europeu com maior número de mortos devido à pandemia, depois do Reino Unido, com 30.739 vítimas mortais, além de mais de 219 mil casos de infeção confirmados.

A nível global, segundo um balanço da agência de notícias AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 283 mil mortos e infetou mais de 4,1 milhões de pessoas em 195 países e territórios. Quase 1,4 milhões de doentes foram considerados curados.