Tribuna Expresso

Perfil

Coronavírus

Liga do Chipre não será retomada. E não há campeão

Discordâncias entre o protocolo de saúde da federação e do próprio governo ditaram o fim da liga cipriota. Não há descidas e campeonato será alargado a 14 equipas na próxima época

Tribuna Expresso

SAKIS SAVVIDES/Getty

Partilhar

O campeonato cipriota não será retomado e não haverá campeão declarado, depois de federação e governo não se entenderem quanto ao protocolo de saúde a seguir no regresso.

A equipa de epidemiologistas do governo cipriota rejeitou as diretrizes da federação e exigiu que o seu próprio protocolo fosse seguido. Uma pretensão que a federação considerou impossível, já que as regras do governo determinam que no caso de um positivo à covid-19 de um jogador, toda a equipa fique 14 dias em quarentena obrigatória.

O Omonia, onde joga o português Vítor Gomes, era líder da tabela, com os mesmos pontos que o Anorthosis Famagusta. A estas duas equipas juntam-se o APOEL e o Apollon Limassol como representantes do país nas competições europeias no próximo ano.

A federação cipriota determinou ainda que não haverá descidas no escalão principal, que em 2020/21 será alargada a 14 equipas.

Chipre confirmou apenas 907 casos de coronavírus e 17 vítimas mortais.