Tribuna Expresso

Perfil

Coronavírus

“Tenho de dizer isto, porque vivemos em democracia: como o Benfica não estava em 1º no momento da paragem, tudo ficou muito mais complicado"

Rui Santos diz que o interesse do Benfica e a conjuntura de pré-falência da maioria dos clubes portugueses, dependentes das receitas televisivas, ditaram a decisão do regresso do campeonato. O comentador da SIC afirma que o que se vai seguir é, por necessidade, uma deformação do futebol

SIC Notícias

Partilhar