Tribuna Expresso

Perfil

Diogo Faro

A felicidade que se sente por José Peseiro não ter posto Bruno Fernandes como quarto médio defensivo (por Diogo Faro)

Este cronista viu o Sporting-Arsenal em Alvalade e também se congratulou pelo facto de um remate de Jovane Cabral lhe ter passado bem perto, mas sem lhe acertar, ele que estava numa das últimas filas do estádio.

Diogo Faro

Quality Sport Images

Partilhar

Renan Ribeiro

Se RR costuma ser a sigla de uma rádio católica, e a partir deste jogo continua a estar relacionada com milagres, mas é entre postes e não altares. A bem da verdade, se não fosse ele isto podia ter sido bem pior.

Ristovski

Nada como estar a ser o melhor da defesa, fazer um corte excelente e nesse lance sair lesionado. Um bocado como estar a ser o gajo mais cool da noite, lançar uma piada que deixa a miúda mais gira da sala a chorar a rir, mas logo a seguir cair para o lado em coma alcoólico.

Coates

Forte e seguro, é certo. Mas contra aquele ataque do Arsenal é como um tractor tentar apanhar scooters. Pior quando o tractor larga a bola ao pé de uma scooter. Até amanhã.

André Pinto

Pessimista como eu ia para este jogo, diria que no fim de levar 90 minutos com os pés do Aubameyang, os rins do André Pinto iam estar num estado que nem para vender no mercado mais negro de todos. Apesar de tudo, até se aguentou bem.

Acuña

Tem sempre aquele sprint por jogo inspirador. Parte três ou quatro na linha, deixa os sportinguistas ao rubro, mas muitas vezes acaba por não acontecer nada de jeito. Foi o caso.

Petrovic

O Peseiro surpreendeu-me muito ao apostar no nosso flamingo a titular, tendo em conta que é reconhecidamente um treinador corajoso e ambicioso que nunca poria TRÊS médios defensivos. Mas claro que a partir do momento em que alguém com a habilidade do Petrovic consegue ser jogador de futebol profissional, já nada me surpreende assim tanto. De destacar o lance em que perdeu uma bola no ataque, deu contra-ataque do Arsenal, foi voluntoriasamente tentar defender e acabou a levar uma cueca humilhante na nossa área que por acaso não deu golo.

Battaglia

Sabes que a tua vida nos próximos 90 minutos não vai ser fácil quando vais ter de te preocupar com o Sideshow Bob, mas o Battaglia foi Homer a sair ileso do combate.

Gudelj

Se ele tivesse a mesma intensidade a jogar do que o casal que estava ao meu lado no estádio a gritar, até podia ter jogado sozinho que tínhamos ganhado. Cada vez que algum jogador do Sporting fazia alguma coisa menos bem, ela era logo "ó seu co** da mãe, joga como deve ser ó cara***" e ele complementa com um "fo**-se, corre seu filho duma ganda p***!". Era um bocadinho da força deles e tinha corrido melhor.

Bruno Fernandes

Chega a ser criminoso que um gajo com este talento de pés não tenha um colega que lhe ponha a bola a jogar mais facilmente. Mas tendo em conta que o nosso treinador é o Peseiro, já fiquei feliz por não ter posto o Bruno como quarto médio defensivo. Quer dizer, se calhar até pôs, ele é que tentou não obedecer de vez em quando.

Nani

Perdeu várias vezes a bola, é verdade. Mas não o consigo criticar quando vai para cima deles sem medo como foi neste jogo. Mas queria criticar, porque podia ter mais discernimento, mas não consigo criticar, mas queria, mas não consigo, mas...é pá, já perceberam a ideia.

Montero

A verdade é que, mesmo tocando pouco na bola, foi o cliché do "o avançado é o primeiro defesa" e foi o que fez o tempo todo. Correr o tempo todo como se estivesse à rabia sem oportunidade para fazer muito mais que isso

Bruno Gaspar

Entrou sem vacilar e ainda lá fez um bom corte de cabeça. Mas aqui tenho de vos confessar que não vi bem porque me distraí com os berros do casal ao lado que já o estavam a insultar de antemão.

Jovane

Quase que levei com um remate dele, e eu estava numa das últimas filas do estádio.

Diaby

Ahahah Ó Peseiro, quando é que eu vou conseguir escrever alguma coisa sobre o Diaby que não seja sobre os 7 segundos que o pões em campo?