Tribuna Expresso

Perfil

Diogo Faro

Neto saiu desolado, destroçado, desesperado por mandar abaixo meia caixa de Xanax, ao sentir que ia sair de campo antes de Illori

O maleita do central do Sporting, substituído na primeira parte, devido a uma lesão, foi apenas um dos pontos focados por Diogo Faro, fora "os grandes passes" de Eduardo que criaram oportunidades para o Belenenses SAD, ou a encarnação de "Messi com laivos de Maradona, Zidane e Ronaldinho" no corpo de Renan Ribeiro (sim, o guarda-redes)

Diogo Faro

Gualter Fatia/Getty

Partilhar

Renan

Na segunda parte, Renan Ribeiro. Na primeira, Messi com laivos de Maradona, Zidane e Ronaldinho, que deu mais nós aos jogadores deles do quase qualquer outro jogador do Sporting.

Rosier

Deve ter sido o jogo mais afoito que o vi fazer. Na segunda parte, claro está. Na primeira não era afoito, era só aflito.

Neto

Sai do relvado desolado, destroçado, desesperado por mandar abaixo meia caixa de Xanax e enfiar-se em pesados e negros pesadelos. Não o podemos julgar. Ponhamo-nos no lugar dele. Estrategicamente, dos 3 centrais tinha mesmo que sair um. Mas imaginem o que deve ter sentido quando em vez de sair o Ilori foi ele que teve de ser. Vai precisar de vários ombros amigos.

Coates

Está claramente a recuperar mentalmente, e está em grande forma fisicamente. De repente, viu-se sem o Neto e obrigado a jogar só com o Ilori, percebeu logo que ia ter que jogar por dois. E fê-lo com categoria.

Illori

É um homem de coração grande e com amigos no Belenenses. E assim sendo, apesar de ter feito uma data de erros que podiam ter ajudado o Belenenses, já com 2-0 fez questão de entregar-lhes a bola mesmo à entrada da nossa área para ver se conseguiam reduzir e voltar menos tristes para o Restelo. É destes homens caridosos que o Sporting precisa.

Borja

Lembro-me quando fazia o “teste dos bips” em Educação Física. Era basicamente correr para a frente e para trás, mas só em 20 metros. É o que o Borja faz. Só que 20 metros num ginásio de 30, ainda é alguma coisa. Num campo de futebol de 100, é capaz de ficar curto. Dá um sprint, e, quando toda a gente vai por ali fora, volta para trás. Não dá muito jeito.

Rodrigo Fernandes

Reparei logo no início do jogo, quando a SPORTTV mostra o 11 inicial, ele era o único que não aparecia com foto. Deve ter sido por isso que também acabou por não aparecer mesmo no campo.

Eduardo

Grandes passes que por várias vezes geraram situações de perigo. Pena terem sido sempre para o Belenenses.

Bruno Fernandes

Na primeira parte, foi uma mãe sempre a ralhar com os filhos que não arrumam o quarto, nem levantam a mesa, nem acertam um mísero passe. Na segunda parte, foi uma mãe que via a abarrotar de orgulho os filhos que saíam do ninho, os filhos que faziam o mais bonito recital de final de período, os filhos que afinal até sabiam receber uma bola, passá-la e rematá-la.

Vietto

Craque, craque, craque. Felizmente, já não é propriamente uma surpresa porque já há alguns jogos que percebíamos que o era. Infelizmente, descobrir isso foi das poucas alegrias que tive com o Sporting este ano.

Bolasie

Não lhe tem apetecido muito marcar golos. Vê-se que não tem mesmo vontade, não chuta uma vez em condições, e nós sabemos que ele até as reúne. Parece que à frente da baliza fica mais preso do que o Lula até há 2 dias. Já para ir à linha e cruzar, tem estado nos píncaros com as suas assistências. Mas se quiser marcar, também já pode.

Rafael Camacho

Vamos ser justos para o miúdo. Muito provavelmente, se não tivesse sido ele quando entrou, ainda estava o Sporting a ter menos posse de bola do que a RTP teve noção, ao convidar aquele senhor neo-nazi para o A Nossa Tarde.

Luiz Phellype

As inimigas vão dizer que não foi com intenção ter rematado contra o senhor do Belenenses, com o ângulo e a força calculados para ser assistência para o golo. Génio.

Doumbia

Uns minutitos para aquecer as pernas..