Tribuna Expresso

Perfil

Diogo Faro

Max deve estar incrédulo. Sportinguista desde pequenino, finalmente fez parte de um jogo em que o Sporting jogou bem (por Diogo Faro)

O Sporting venceu e convenceu frente aos turcos do Basaksehir (3-1), na 1ª mão dos 16 avos de final da Liga Europa, e Diogo Faro só fica triste porque Neto levou amarelo e não joga no próximo jogo na prova (tal como Coates não joga no campeonato). Resultado: "Por falar em crime, por causa do amarelo que levou, vamos jogar com o Ilori dois jogos consecutivos"

Diogo Faro

SOPA Images

Partilhar

MAXIMIANO

Deve estar incrédulo. Sportinguista desde pequenino, sempre sonhou jogar na equipa principal. Depois de já o ter feito tantas vezes esta época, finalmente fez parte de um jogo no qual o Sporting jogou realmente bem. É aproveitar.

LUÍS NETO

Aquele roçar do Neto no outro ser penálti, é como alguém ser condenado por homicídio por ter dado uma belinha a outro. Por falar em crime, por causa do amarelo que levou, vamos jogar com o Ilori dois jogos consecutivos.

COATES

Não lhe tirando o mérito que teve em aparecer no sítio certo, à hora certa, para a meter lá dentro, também temos que admitir que foi um golo fácil. Conseguia marcar, mesmo que estivesse descalço por ter acabado de se descalçar para ser revistado a entrar no estádio.

ACUÑA

Quase não teve nada que fazer, como se não tivesse trabalho ou escola onde estar. Tal como aquelas pessoas todas que foram para a frente da Assembleia horas antes.

RISTOVSKI

“Agora que a eutanásia já vai ser possível em Portugal, se falhas esta assistência que te estou a fazer, preencho já a tua candidatura ao processo pelo sofrimento horrível que deves estar a passar por não conseguires marcar um único golo.” – Disse Ristovski a Sporar.

BATTAGLIA

Fim de tarde tranquilo para o argentino a limpar o meio-campo, sem grande alvoroço. Conseguiu deixar os médios deles mais à míngua do que o João Moura deixou os seus cães.

WENDEL

“Rápido, criativo, endiabrado, eficaz, pertinente”, foi o que escrevi sobre ele aqui no último jogo. A parte boa é que hoje posso fazê-lo mas sem ter que ser irónico.

VIETTO

Elogiamos porque marcou um bom golo? Criticamos porque falhou outro clamoroso? Ficamos felizes com tanto? Contentamo-nos com tão pouco? Estar vivo é o contrário de estar morto? Bacalhau com broa é o melhor bacalhau? Não tenho respostas para nada.

JOVANE

Merecidíssima titularidade, capitulada e retribuída com um genial toque de calcanhar, tão forte que nunca poderia de Aquiles, na jogada do terceiro golo. Eu nem acredito que acabei de escrever esta frase. Parecia um jornalista desportivo quando tenta ser poeta. Perdoem-me.

BOLASIE

Um remate que ia partindo a baliza, um remate que ao não entrar na baliza lhe partiu o coração.

SPORAR

Se ia falhando? Sim. Se ia rematando na relva sob o risco de partir o pé e nem sequer acertar na bola? Sim. Se ele nem sequer é nada mau jogador, mas já estava a ser um exagero o número de jogos sem marcar? Definitivamente. Pronto, o mais difícil já passou. Respira, Sporar.

GONZALO PLATA

“Se queres uma coisa bem feita, fá-la tu” – velho ditado popular da Eritreia que os mafiosos gostam muito de citar. Foi também aquilo que pensou depois da jogada incrível que fez para o Vietto desperdiçar.

PEDRO MENDES

Entrou uns minutos, a tempo de mostrar o seu cabelo de Tom Cruise em "O Último Samurai".

Há quanto tempo não se via um Sporting assim?

O Sporting dominou e, a espaços, até massacrou os turcos do Basaksehir, na 1ª mão dos 16 avos de final da Liga Europa, conseguindo uma vitória confortável, que chegou a ser de 3-0, mas acabou em 3-1